Nacional

Escolas Católicas: Secretariado da Educação Cristã dinamiza formação «Educar (é) Evangelizar?!»

Agência Ecclesia
...

Organização acolhe hoje «mais de 250 docentes» em Fátima

Lisboa, 20 fev 2016 (Ecclesia) – O Setor das Escolas Católicas, do Secretariado Nacional da Educação Cristã (SNEC), promover hoje a formação “Educar (é) Evangelizar?!” para os professores das escolas católicas, no Centro Paulo VI, em Fátima.

Num comunicado enviado à Agência ECCLESIA, o Educris, da Comissão Episcopal da Educação e Doutrina da Fé, explica que esta formação reflete as “preocupações, anseios e desafios” lançados pelo Congresso Mundial das Escolas Católicas, que se realizou em novembro de 2015, em Roma.

“Este é o momento e a oportunidade para promover iniciativas que ajudem a dar continuidade e a aprofundar os temas então refletidos com particular destaque para os diversos sujeitos da educação, a importância da formação dos formadores e os muitos desafios atuais que interpelam o campo educativo”, explica a coordenadora do Setor das Escolas Católicas, do SNEC.

Segundo Elisa Urbano, é preciso “olhar a realidade da escola católica de Portugal” com o olhar da Igreja que é de “olhar de amor” que espera que ela seja um campo de evangelização “essencial na formação integral das novas gerações”.

Neste contexto, indica que é “essencial” fazer caminho “construindo novas formas de responder aos desafios” colocados pelo durante o Fórum Mundial, que são as questões da “educação integral e da fé” bem como “das periferias, dos pobres e das novas pobrezas”.

A organização acolhe este sábdo “mais de 250 professores" no Centro Paulo VI, em Fátima.

A formação ‘Educar (é) Evangelizar?!’ conta com duas conferências: ‘A radicalidade de um projeto educativo de matriz católica - O desafio de ser grão de mostarda’, apresentada pelo superior provincial da Companhia de Jesus em Portugal, o padre José Frazão; e ‘Evangelizar com a família na Escola Católica’ pela irmã Emília Nabuco, das Irmãs Doroteias.

Nesta ação, promovida em parceria com a Associação Portuguesa das Escolas Católicas, os professores vão poder participar também em vários ateliês temáticos: ‘Identidade do docente da Escola Católica (EC)’; ‘Identidade de uma EC’; ‘Missão de uma EC Liderança: ser pastor, ser pontífice...’; ‘Educar com a Família’ e ‘A Escola Católica: Lugar de vivência evangélica’.

Para o diretor do Secretariado Nacional da Educação Cristã, o diácono Acácio Lopes, esta é uma oportunidade “de encontro, de partilha, de descoberta e de enriquecimento” sobre a missão educativa da Igreja que se realiza “nas escolas católicas”.

Em Portugal existem cerca de 186 escolas católicas frequentadas por mais de 70 mil alunos nos vários ciclos de ensino.

CB/OC