Nacional

Migrações: Igreja Católica promove debate sobre refugiados na Europa

Agência Ecclesia
...
DR
DR

Encontro decorre entre 13 e 15 de janeiro, em Leiria

Lisboa, 07 dez 2016 (Ecclesia) – A diretora da Obra Católica Portuguesa das Migrações disse que o XVII Encontro de Animadores Sociopastorais das Migrações vai decorrer em janeiro de 2017 para fazer uma análise ao que está a acontecer aos refugiados na União Europeia.

“Em alguns países se não for a ação da Igreja não temos uma ação humanista, aberta”, afirmou Eugénia Quaresma à Agência ECCLESIA, após ter contactado com muitas das conferências episcopais da Europa.

O XVII Encontro de Animadores Sociopastorais das Migrações, com o tema ‘Refugiados: Euros ou pessoas?’, vai realizar-se entre 13 e 15 de janeiro de 2017, na Diocese de Leiria-Fátima, e para além dos agentes das migrações e da área social é também para a pastoral juvenil e “todas as pessoas que tiverem interesse” nessa temática.

A diretora da Obra Católica Portuguesa das Migrações destaca o “apelo muito grande” dos “valores evangélicos, cristãos e humanistas” quando se analisam problemáticas relacionadas com refugiados e migrantes.

“Temos de voltar a olhar para este tesouro e não ter medo de os viver”, observou.

Eugénia Quaresma recorda ainda que a Igreja Católica tem documentos “muito bons” que têm esse desafio, por isso, sublinha que é preciso “pô-los em prática, levá-los às comunidades” e debatê-los para serem tidos em conta pelos “católicos na construção da União Europeia”.

Entre 13 e 15 de janeiro de 2017 vão ser ouvidos testemunhos de pessoas e instituições que acolheram refugiados no Encontro de Animadores Sociopastorais das Migrações promovido pela Agência ECCLESIA, a Cáritas Portuguesa, o Departamento Nacional da Pastoral Juvenil e a Obra Católica Portuguesa de Migrações, na Diocese de Leiria-Fátima.

PR/CB



Refugiados