Nacional

Porto: Torre dos Clérigos teve o «melhor ano de sempre» em 2016

Agência Ecclesia
...
Porto - Torre dos Clérigos - LFS/Agência ECCLESIA
Porto - Torre dos Clérigos - LFS/Agência ECCLESIA

Bilhete combinado para a torre e o Museu Nacional Soares dos Reis é novidade em 2017

Porto, 02 jan 2017 (Ecclesia) – A igreja e Torre dos Clérigos, na Diocese do Porto, terminaram 2016 com um “recorde absoluto” de visitantes aos quais se junta “uma agenda recheada de eventos”, prémios, ações solidariedade.

Num comunicado enviado à Agência ECCLESIA, a Irmandade dos Clérigos informa também que a partir deste ano de 2017 vai estar disponível ao público um bilhete combinado Torre dos Clérigos - Museu Nacional Soares dos Reis.

2016 foi o “melhor ano de sempre” e passaram pelo “ícone da cidade invicta” cerca de 625 mil visitantes, “um aumento de cerca de 125 mil” em relação a 2015, ou seja, um “acréscimo de 25%”.

O número de visitantes registados reafirmou a Torres dos Clérigos como “um dos monumentos nacionais mais visitados”.

Ao número de visitantes junta-se uma agenda “recheada de eventos” onde se destacam os concertos com os Órgãos Históricos da igreja e conferências relacionadas com as técnicas de restauro e com a preservação do património cultural.

A Irmandade dos Clérigos realizou também 16 iniciativas solidárias e apoiou instituições da cidade do Porto e de Portugal “num valor aproximado de 300 mil euros”, nomeadamente o Instituto Português de Oncologia, a Liga Portuguesa Contra o Cancro, a Liga dos Bombeiros Portugueses, o Kastelo – Associação no Meio do Nada e os desalojados dos incêndios da Madeira.

Dos galardões conquistados pela Torre dos Clérigos destaca-se o Prémio ‘Villalva’, da Fundação Calouste Gulbenkian, para a melhor intervenção de restauro e de reabilitação do património cultural, uma menção honrosa no Prémio IHRU para a melhor intervenção de restauro de uso impacto social e o ‘Travelers’ Choice 2016’ do sítio online ‘TripAdvisor’.

Ainda no campo dos prémios, a irmandade informa que está a concorrer ao 2017 European Union Prize for Cultural Heritage/Europa Nostra Awards e ao Prémio Almadas da responsabilidade da Câmara Municipal do Porto.

CB



Diocese do Porto