Vaticano

Ecumenismo: Papa apela à união dos cristãos ao serviço dos pobres e em defesa da vida

Agência Ecclesia
...

Intenção mensal de oração divulgada nas redes sociais

Cidade do Vaticano, 09 jan 2017 (Ecclesia) - O Papa Francisco pede na sua intenção mensal de oração, divulgada hoje, que os cristãos estejam unidos ao serviço dos pobres e em defesa da vida.

“No mundo atual, muitos cristãos de diversas Igrejas trabalham juntos ao serviço da humanidade necessitada, da defesa da vida humana e da sua dignidade, da criação e contra as injustiças”, refere a intervenção, difundida através das redes sociais, no projeto ‘O Vídeo do Papa’.

Francisco considera que este desejo de “caminhar juntos, de colaborar juntos no serviço e na solidariedade com os mais fracos e os que sofrem” é um motivo de alegria.

“Junto a tua voz à minha para rezar por todos os que contribuem, com a oração e a caridade fraterna, para restabelecer a plena comunhão eclesial, ao serviço dos desafios da humanidade”, pede, no final da intervenção.

Este domingo, Francisco tinha convidado os católicos a unir-se à “Rede Mundial de Oração do Papa”, que todos os meses difunde as suas intenções, também através das redes sociais.

“Assim se faz avançar o apostolado da oração e faz-se crescer a comunhão”, explicou.

Uma das iniciativas desta rede é o ‘Vídeo do Papa’, promovido pelo Apostolado da Oração (AO), da Companhia de Jesus, que há um ano apresenta estas intenções mensais com a ajuda do YouTube.

De acordo com o AO, estima-se que façam parte da Rede Mundial de Oração do Papa mais de 30 milhões de pessoas, em dez idiomas, incluindo o português.

‘O Vídeo do Papa’ foi idealizado e realizado pela agência La Machi, Consultora de Comunicação para Boas Causas, e conta com o apoio do AO-Portugal.

Todos os meses, o Papa confia duas intenções de oração: uma universal, com temáticas que apelam “a todos os homens e mulheres de boa vontade”; e outra pela evangelização, mais centrada na vida da Igreja e na sua missão.

OC



Papa Francisco