Vaticano

México: Papa cumpre «sonho» de rezar junto de Nossa Senhora de Guadalupe

Agência Ecclesia
...

Francisco visitou casa da «Morenita», padroeira da América Latina

Cidade do México, 13 fev 2016 (Ecclesia) – O Papa visita hoje a Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe, padroeira da América Latina, para rezar diante da imagem que trata carinhosamente como “morenita”.

Depois da homilia da Missa a que preside no local, Francisco sentou-se em frente ao altar, virado para a imagem, com o olhar fixo, durante cerca de 5 minutos, num silêncio acompanhado pela assembleia.

Cerca de 35 mil pessoas reuniram-se fora do santuário, tendo saudado a passagem do papamóvel que foi acompanhado por milhares de pessoas ao longo da estrada.

O pontífice argentino começou por visitar a basílica antiga, de 1709, antes de sair em procissão para o novo santuário, de 1976, no monte Tepeyac.

No percurso, o Papa saudou uma criança com Síndrome de Down que furou as barreiras e foi ao seu encontro, abraçando-o; à entrada da basílica, acendeu a chama que está junto da Porta Santa do Jubileu da Misericórdia.

Já no final da Missa, Francisco ofereceu uma coroa de ouro e prata, com a inscrição em latim "Mater mea, Spes mea" (Minha mãe, minha esperança).

Após a celebração, esteve durante cerca de 20 minutos a rezar em privado no ‘Camarín’, lugar onde é conservada a imagem que remonta às aparições do século XVI.

“Não podia deixar de vir! Poderia o Sucessor de Pedro, chamado do profundo sul latino-americano, privar-se da possibilidade de pousar o olhar na ‘Virgem Morenita’?”, confessou hoje o Papa aos bispos do México.

Antes, Francisco disse ao presidente do país que visita o território mexicano como “um filho que quer prestar homenagem à sua mãe, a Virgem de Guadalupe, e deixar-se olhar por Ela”.

“Coloco-me sob o olhar de Maria, a Virgem de Guadalupe, peço-lhe que olhe para mim”, acrescentou.

Na mensagem que enviou ao povo mexicano, o Papa pedia  o “favor” de o deixarem estar “um momento a sós” diante da imagem da padroeira da América Latina

OC



América Papa Francisco