Vaticano

Vaticano: Papa rejeita imagem de Jesus como simples «mestre espiritual»

Agência Ecclesia
...
Missa em Santa Marta (imagem de arquivo)
Missa em Santa Marta (imagem de arquivo)

Francisco retoma Missas na Capela de Santa Marta, na celebração na festa da Exaltação da Santa Cruz

Cidade do Vaticano, 14 set 2017 (Ecclesia) - O Papa Francisco retomou hoje a celebração das Missas matinais, após uma pausa de dois meses e meio, com uma reflexão sobre a figura de Jesus, na festa litúrgica da Exaltação da Santa Cruz.

A homilia alertou contra a tentação de conceber “um Cristo sem cruz que não é o Senhor: é um mestre, nada mais do que isso”.

Outra tentação, acrescentou o Papa, é a cruz sem Cristo, ou seja, viver “sem esperança, numa de ‘masoquismo’ espiritual”.

A reflexão centrou-se no “mistério de amor” que representa a crucifixão de Jesus Cristo, algo que não é facilmente compreensível.

“Somente com a contemplação se avança neste mistério de amor”, afirmou Francisco.

O Papa convidou os presentes a refletir, ao longo do dia, se “o Cristo crucificado é mistério de amor” para eles.

“Eu sigo Jesus sem cruz, um mestre espiritual que nos enche de consolação, de bons conselhos? Sigo a cruz sem Jesus, sempre a lamentar-me, com este ‘masoquismo’ do espírito?”, questionou.

O Papa conclui com votos de que Deus conceda a todos a graça de “entrar” neste mistério de amor “com o coração, com a mente, com o corpo”.

OC



Papa Francisco