Adriano Moreira, José Tolentino Mendonça e cinco jornalistas participam no evento, dia 12 de março, promovido pela Agência Ecclesia, Rádio Renascença e Universidade Católica Portuguesa

Lisboa, 11 mar 2018 (Ecclesia) – Vai decorrer nesta segunda-feira, dia 12 de março, a partir das 15h00, na Universidade Católica, uma conferência para assinalar os cinco anos do pontificado do Papa Francisco.

Adriano Moreira, José Tolentino Mendonça e cinco jornalistas são os intervenientes na conferência “Cinco anos com o Papa Francisco”, organizada pela Agência Ecclesia, a Rádio Renascença e a Universidade Católica Portuguesa, que a vai decorrer no auditório Cardeal Medeiros, na UCP, em Lisboa, entre as 15h00 e as 18h00.

O evento, que acontece um dia antes de se assinalarem cinco anos da eleição do cardeal Bergoglio, começa com uma comunicação de Adriano Moreira sobre o tema “Cinco anos: tempo suficiente para mudar?”.

Segue-se um diálogo com o padre José Tolentino Mendonça, moderado por Graça Franco, sobre “Cinco dias em retiro com o Papa: o que Francisco diz em silêncio”, onde o vice-reitor da UCP vai contar a experiência de ter feito o retiro com o Papa, os temas propostos para as meditação e as oportunidades de contacto com Francisco.

Entre os dias 18 e 23 de fevereiro, o Papa Francisco e os seus colaboradores mais diretos participaram no retiro de Quaresma, orientado este ano pelo padre e poeta português José Tolentino Mendonça, que propôs 10 reflexões sobre sede e desejo de Deus.

A conferência que assinala os cinco anos de pontificado do Papa Francisco termina com um painel de cinco jornalistas que analisam “Cinco hipóteses de futuro na Igreja Católica”, onde vão intervir Aura Miguel, da Rádio Renascença, Joana Haderer, da agência Lusa, João Francisco Gomes, do Observador, Joaquim Franco, da SIC, e Octávio Carmo, da agência Ecclesia.

O debate entre os cinco jornalistas é moderado por Mónica Dias, coordenadora do Programa de Doutoramento do Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica Portuguesa.

O Papa Francisco foi eleito no dia 13 de março de 2013 depois de um Conclave que teve cinco escrutínios e durou pouco mais de 24 horas, após Bento XVI, agora Papa Emérito, ter apresentado a renúncia ao pontificado.

Francisco é o primeiro Papa jesuíta na história da Igreja e também o primeiro pontífice sul-americano.

PR

Partilhar:
Share