Cidade do Vaticano, 05 jul 2018 (Ecclesia) – O secretário do Vaticano para as Relações com os Estados manifestou “o apoio e a oração do Papa Francisco” ao presidente da Coreia do Sul, país onde está a realizar uma visita de seis dias.

“O arcebispo Gallagher levou a saudação, o apoio e a oração do Papa Francisco para o itinerário da paz e da reconciliação na península coreana”, divulgou a Sala de Imprensa da Santa Sé sobre o encontro desta manhã entre D. Paul Gallagher e o presidente da República Moon Jae-in.

Neste contexto, os dois responsáveis salientaram a “importância de relançar” toda a iniciativa humanitária que seja útil e “a urgência de promover uma cultura de paz entre os jovens”.

O secretário do Vaticano para as Relações com os Estados visitou a zona desmilitarizada que separa as duas Coreias; esta sexta-feira, D. Paul Gallagher reúne-se com o ministro sul-coreano dos Negócios Estrangeiros e cerca de quarenta deputados católicos.

O arcebispo vai ainda discursar no Fórum Católico sobre a Paz e os Direitos Humanos, este sábado, e no dia seguinte preside à Eucaristia na Catedral de Myeongdong, em Seul, divulga o sítio online ‘Vatican News’.

A Coreia do Norte e a Coreia do Sul realizaram uma cimeira centrada na desnuclearização da península, a 27 de abril, na zona desmilitarizada de Panmunjeom, onde os líderes dos dois países anunciaram um tratado de paz para acabar de modo oficial com o conflito na península coreana.

CB/OC

Partilhar:
Share