Cidade do Vaticano, 13 mar 2018 (Ecclesia) – O Papa Francisco recebeu esta segunda-feira, em audiência privada, o prior da comunidade de Taizé, irmão Alois, anunciou a comunidade ecuménica, em comunicado enviado hoje à Agência ECCLESIA.

“Como em cada ano, o irmão Alois quis ir a Roma informar o Papa das iniciativas tomadas pela Comunidade na sua procura ecuménica e no acolhimento de jovens. Fez-se porta-voz dos jovens de numerosos países agradecendo ao Papa a forma pastoral com que vive o seu ministério de pastor universal”, assinala a nota de imprensa, no dia em que se assinala o 5.º aniversário do pontificado.

O irmão Alois falou ao Papa dos próximos encontros de jovens organizados pela Comunidade em Lviv (na Ucrânia), em abril; em Hong Kong, em agosto; e do próximo Encontro Europeu no final deste ano em Madrid.

“Também falou sobre o acolhimento de refugiados que a Comunidade assume há muito tempo e que se desenvolveu bastante nos últimos anos”, acrescenta o comunicado.

Em declarações ao portal do Vaticano, o irmão Alois manifestou a proximidade da comunidade ecuménica ao Papa Francisco, por ocasião da assembleia do Sínodo dos Bispos sobre os jovens, marcada para outubro deste ano.

“Nós ouvimos muito os jovens: eles têm um desejo de autenticidade, que é preciso descobrir, levar a sério e acompanhar”, observou.

OC

Partilhar:
Share