Foto: Agência ECCLESIA/HM

Cova da Piedade, 14 dez 2018 (Ecclesia) – A Cáritas Paroquial da Cova da Piedade associou-se à campanha “Partilhar a Viagem”, apoiada pela ‘Caritas Internationalis’, que quer percorrer um milhão de quilómetros em todo o mundo.

No dia 8 de dezembro, o percurso foi feito à beira Tejo, numa caminhada simbólica entre a Igreja Matriz da Cova da Piedade e o farol de Cacilhas.

“É um símbolo, mas estes símbolos fazem-nos refletir o porquê e a necessidade de nos encontrarmos na caminhada” afirmou à Agência ECCLESIA Maria Eduarda, que integra a estrutura local da Cáritas.

Para ela, a proximidade ao rio é a “sintonia com aqueles que cruzam o mar em busca de dignidade”.

O grupo fez ainda uma paragem simbólica junto aos portões das antigas instalações da Lisnave, evocando os muitos navios que são hoje para tantos, o transporte da esperança em busca de uma vida com melhores condições.

Foto: Agência ECCLESIA/HM

Os participantes, elementos dos diversos grupos da ação pastoral da Paróquia da Cova da Piedade, concluíram o caminho em Cacilhas, junto ao farol, onde foram acesas velas em memórias de quantos perderam a vida na tentativa de chegar a uma vida com mais oportunidades.

A Cáritas Paroquial da Cova da Piedade constituiu-se há um ano, assumindo diversas tarefas de intervenção social como uma Loja Solidária e o acompanhamento de jovens grávidas.

“São tarefas que nos deixam cansados ao fim do dia, mas com o coração cheio”, refere Maria Eduarda.

Esta estrutura paroquial da Cáritas dedica-se ainda ao apoio de várias famílias carenciadas, através de alimentos, mobiliário e apoios financeiros.

A campanha “Partilhar a Viagem” foi lançada pelo Papa Francisco em 2017 e prolonga-se até 2019 com o objetivo de acolher, promover e integrar os migrantes e refugiados.

HM/OC

Foto: Agência ECCLESIA/HM

Partilhar:
Share