Lisboa, 11 out 2018 (Ecclesia) – No Dia de São Lucas, pintor e patrono dos artistas, realizam-se visitas guiadas, 18 deste mês, à Academia Nacional de Belas Artes (ANBA), em Lisboa, para celebrar o Dia Nacional dos Bens culturais da Igreja.

A Academia Nacional de Belas Artes teve origem na Irmandade de São Lucas e “conserva no seu património documentação que se lhe refere”, relativa aos “principais pintores Portugueses do século XVIII”, que a ela pertenceram (Pedro Alexandrino e Wolkmar Machado), realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O património da ANBA tem “importantes coleções de arte e uma biblioteca de livro antigo, especializada em História da Arte, com um núcleo proveniente de Conventos extintos em 1834”, salienta o comunicado.

O programa inclui duas visitas (11h00 e às 15h00 com limite máximo de 20 pessoas por grupo) e inclui uma visita ao Salão Nobre (Galeria de Retratos de Artistas e de Presidentes), ante-câmara da Biblioteca (retratos de eclesiásticos) e à Biblioteca Histórica (núcleo dos conventos extintos), acrescenta nota.

LFS

Partilhar:
Share