Braga, 05 dez 2018 (Ecclesia) – O Serviço Educativo do Tesouro-Museu da Sé de Braga, em colaboração com a Escola EB1 da Sé, organiza hoje, às 10h30, na catedral daquela cidade, a representação «São Geraldo e o Milagre da Fruta».

Esta atividade, “além do seu interesse educativo”, dá a conhecer uma lenda com longa tradição na catedral de Braga e a Capela de São Geraldo “estará aberta ao público durante todo o dia, mostrando o magnífico retábulo ornamentado com a fruta da época, uma alusão ao suposto milagre de São Geraldo”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

São Geraldo nasceu em Cahors, França, e entrou muito novo para o Mosteiro de Moissac, onde estudou e se “tornou famoso pelas suas qualidades humanas e intelectuais”.

Foi Arcebispo de Braga do ano de 1099 a 1108 e morreu em Bornes, Concelho de Vila Pouca de Aguiar, no dia 5 de Dezembro 1108, durante uma visita pastoral que realizava por aquelas terras.

É o padroeiro da cidade de Braga e na Sé foi responsável por várias reformas e mandou construir uma Capela que dedicou a São Nicolau e onde está sepultado.

LFS

Partilhar:
Share