Porto, 26 out 2018 (Ecclesia) – O Seminário do Bom Pastor em Ermesinde, da Diocese do Porto, comemora 50 anos de existência e o programa temático tem como objetivo a “gratidão” e a “alegria do encontro”, entre 29 de outubro e 3 de novembro.

Na informação enviada hoje à Agência ECCLESIA, a organização das comemorações pretende que o mote ‘A alegria do reencontro’ permita o “(re)encontro” entre os alunos, com Deus na Eucaristia, à mesa, “com a história e o com as várias artes performativas e visuais”.

Neste contexto, destaca-se o dia 3 de novembro, com a Missa presidida pelo bispo do Porto, D. Manuel Linda, às 11h00, e a reposição de “algumas performances teatrais dos velhos tempos”, a partir das 16h00.

Os participantes vão também recordar a “história do edifício e da vida educativa do Seminário” num conjunto de exposições de pintura e fotografia.

‘Aqui chegados pela mão do Bom Pastor’ é o tema geral das comemorações dos 50 anos do Seminário do Bom Pastora da Diocese do Porto, em Ermesinde.

‘A relevância do Seminário no desenvolvimento humano e social’ é o tema da primeira conferência, por António Lobo Xavier, às 21h00, da próxima segunda-feira, 29 de outubro, na Biblioteca Municipal de Felgueiras.

No dia seguinte, António Filipe Barbosa é o orador convidado para apresentar o tema ‘O Seminário e a inovação pedagógica’, também a partir das 21h00, mas no salão paroquial de São João da Madeira.

O bispo auxiliar do Porto, D. António Augusto Azevedo, vai falar sobre ‘Seminário: passado, presente e futuro’, no último dia deste mês, 31 de outubro, às 21h00, no Seminário do Bom Pastor.

De recordar que o bispo auxiliar é, atualmente, o presidente da Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios e foi, por exemplo, reitor do Seminário Maior do Porto e responsável pelo acompanhamento dos padres novos.

Foto João Lopes Cardoso/Diocese do Porto

Para além da “data institucionalmente relevante”, a comissão responsável pela celebração do cinquentenário também é orientada pela “gratidão” e “alegria do encontro”.

“Todos os momentos são abertos a todos os antigos alunos, suas famílias, a educadores e professores e a servidores do seminário ao longo deste meio século”, lê-se no programa.

No seu sítio online, o Seminário do Bom Pastor informa que é “um lugar vocacional da Diocese do Porto” que acompanha e forma “os jovens que se identificam com o itinerário vocacional que o dom do Espírito Santo neles iniciou para serem seus ministros no sacerdócio”.

CB

Partilhar:
Share