Santarém, 09 out 2018 (Ecclesia) – No Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja, 18 deste mês, na cidade de Santarém (Auditório da Casa Madre Andaluz) vai realizar-se um colóquio sobre «A Arte Cristã na herança de Luiza Andaluz».

Depois da sessão de abertura, às 10h00, com a presença de D. José Traquina, bispo de Santarém, realiza-se o primeiro painel de reflexões sobre «Santarém: Génese de vocação e obra» que tem como moderador o historiador Pedro Canavarro, realça o programa enviado à Agência ECCLESIA.

Ao longo da manhã vão ser proferidas três conferências: «Memória impulsionadora de um futuro: A vida e a obra de Luiza Andaluz»; «O “Espírito do lugar” – Do Hospital dos meninos enjeitados/Hospital de Nossa Senhora dos Inocentes, do Recolhimento das Capuchas, até à fundação do Instituto de Nossa Senhora dos Inocentes» e «O Colégio Andaluz: Uma estratégia para educar com espiritualidade», salienta.

Após a inauguração da exposição itinerante «Descobrir Luiza – Sobre a vida e obra de Luiza Andaluz» realiza-se o segundo painel «Património Cultural ao serviço de uma causa maior» que tem como oradores Sandra Costa Saldanha, André das Neves Afonso, Nuno Saldanha e Eva Raquel Neves.

Depois da sessão de encerramento do colóquio vai ser inaugurada, às 18h30, uma exposição temporária, no Museu Diocesano de Santarém, com o tema «A Arte Cristã na herança de Luiza Andaluz»

LFS

Partilhar:
Share