«Se um cristão perde a memória, acaba por estar simplesmente a cumprir um preceito», disse Francisco

Cidade do Vaticano, 07 jun 2018 (Ecclesia) – O Papa exortou hoje os cristãos, durante a missa na Casa de Santa Marta, no Vaticano, a serem sempre capazes de “recordar e contemplar” os fundamentos da sua fé.

Na homilia da Eucaristia, publicada pelo serviço informativo do Vaticano, Francisco salientou a importância de uma fé com “memória” para cada um ter a força de seguir “em frente”.

“Quando encontramos cristãos que perderam esta capacidade, vemos também que eles perderam o sabor da vida cristã e acabam como pessoas que cumprem preceitos, mas sem espiritualidade, sem encontrarem Cristo”, frisou o Papa argentino.

Durante a sua reflexão, Francisco destacou a necessidade que a Igreja Católica, e as suas comunidades, olharem e guardarem o exemplo daqueles que se distinguiram pela preservação e pelo anúncio do Evangelho, inclusivamente pelo “martírio”.

“Se a água da vida se tornou um pouco turva, é importante ir à fonte”, apontou.

O Papa pediu também às pessoas para que transportem sempre consigo aqueles momentos em que estiveram verdadeiramente com Jesus no coração.

“Cada um de nós tem momentos assim: quando encontrou Jesus Cristo, quando mudou de vida, quando o Senhor fez ver a alguém a própria vocação, quando o Senhor o visitou num momento difícil… Busquemos, contemplemos esses momentos”, convidou o Papa.

JCP

Partilhar:
Share