Trabalho vai ser desenvolvido nos bairros abrangidos pela Paróquia de São Francisco Xavier da Caparica

Lisboa, 27 fev 2018 (Ecclesia) – A organização católica Leigos para o Desenvolvimento (LD) vai abrir uma missão nas freguesias da Caparica e do Pragal, no Concelho de Almada, Diocese de Setúbal, a convite dos Jesuítas em Portugal.

“O entusiasmo para esta nova missão é grande e estamos conscientes da exigência do desafio. Como Santo Inácio nos ensinou «em tudo Amar e Servir», é a fórmula que nos move, em África e em Portugal”, refere a diretora executiva dos LD, Carmo Fernandes.

Em comunicado enviado à Agência ECCLESIA, a organização não-governamental para o desenvolvimento em abril prevê a chegada dos primeiros dois voluntários que irão residir num dos bairros, após a terem recrutado este mês a coordenadora de projeto e verem aprovados os primeiros financiamentos – FAMI – Fundo de Asilo Migração e Integração e uma fundação internacional, no final de 2017.

O trabalho vai ser desenvolvido nos bairros abrangidos pela Paróquia de São Francisco Xavier da Caparica, da responsabilidade da Província Portuguesa da Companhia de Jesus, na Diocese de Setúbal.

Segundo os Leigos para o Desenvolvimento, nos próximos dois anos, o desafio de fundo é o “enraizamento da presença no terreno” para a organização católica passar a ser parte da comunidade local “estabelecendo uma relação de proximidade e confiança com a população e organizações locais”.

Está prevista a constituição e dinamização de um Grupo Comunitário, a criação de uma resposta de capacitação e empowerment juvenil e a mobilização de mulheres para a constituição de um grupo e para um processo de desenvolvimento pessoal, profissional e comunitário.

A nova missão nas Freguesias da Caparica e do Pragal, no Concelho de Almada, é a primeira que os Leigos para o Desenvolvimento abrem em Portugal em mais de 30 anos de missões em África e Timor-Leste.

Brevemente, vão ser realizadas sessões de apresentação em Lisboa e no Porto, e em abril vão iniciar um ciclo formativo sendo o próximo passo o lançamento da formação para preparar os voluntários que vão dar continuidade à missão em 2019.

CB

Partilhar:
Share