Por estes dias, Lisboa está debaixo do olhar de milhões de pessoas, atentas à realização do Festival da Eurovisão. Um momento que ultrapassa as fronteiras da música, da própria Europa, e permite um olhar sobre a diversidade que tem feito deste continente uma referência mundial, ao longo dos séculos. Para nos guiar nesta reflexão, contamos com um guia de exceção, Júlio Isidro.

Partilhar:
Share