Igreja de Santo António acolhe milhares de pessoas e distribui 80 mil pães de Santo António no dia da sua festa

Lisboa, 13 jun 2018 (Ecclesia) – O reitor da Igreja de Santo António disse à Agência ECCLESIA que os portugueses transformaram Santo António em “solução para todos os problemas” e muitos visitam o local onde nasceu ao longo de todo o ano,  sobretudo a 13 de junho.

“Os estrangeiros vêm em peregrinação à procura do santo da História. Os portugueses transformaram o santo em solução para todos os problemas”, afirmou frei Francisco Sales à Agência ECCLESIA.

Para o reitor da Igreja de Santo António, em Lisboa, “nunca mais acabam as preces” ao santo português diante de uma dor, quando se perde qualquer coisa ou quando se quer casar e em muitas outras situações.

“Quando as pessoas perdem coisas rezam o ‘responso a Santo António’ e dizem que nunca falha”, referiu.

Frei Francisco Sales acrescentou que a dinamização da pastoral em torno da Igreja de Santo António procura mostrar “a grandeza de santo”, valorizando as devoção e as tradições em torno da religiosidade popular

“Santo António é missionário por excelência. Foi um homem itinerante, que percorreu toda a Itália e o Sul de França, para ir ao encontro das pessoas”, sublinhou.

O frade franciscano lembrou que António foi um “grande pregador” em contextos adversos da altura, ao ponto do Papa o apelidar de “martelo dos hereges”, que conseguia converter as pessoas através das suas palavras.

A Festa de Santo António, preparada com iniciativas culturais e litúrgicas, é vivida na Igreja junto à Sé de Lisboa, dia 13 de junho, com Missas a todas as horas, entre as 7h00 e as 12h00, quando se celebra a Eucaristia Solene, este ano presidida por D. Manuel Clemente, que participa também a procissão, às 17h00.

“São milhares e milhares de pessoas que vêm aqui à nossa igreja, para a oração e a visita à cripta, ao lugar onde nasceu Santo António”, referiu frei Francisco Sales, adiantando que por ocasião da festa de Santo António são vendidos cerca de 80 mil pães de Santo António.

“O ‘Pão de Santo António’ é uma espécie de bênção para levar para casa, para ter a proteção de Santo António, para que não falte o pão na mesa durante o ano todo”, concluiu o reitor da Igreja lisboeta.

As celebrações da festa de Santo António no local onde nasceu vão ser apresentadas no programa Ecclesia desta quarta-feira, às 15h00, na RTP2.

SN/PR

Partilhar:
Share