Outubro missionário – irmã Glória Lopes – Emissão 27-10-2017

Este programa da Igreja Católica traz o testemunho na primeira pessoa de quem esteve em missão em Angola e Cabo Verde.

A irmã Glória Lopes é hoje superiora provincial das irmãs missionárias do Espírito Santo e ganhou um 'amor da missão' em Angola nos anos de 91 a 94… um tempo de guerra como conta.

Cabo Verde: Cáritas Lusófonas debateram situações de fome e desigualdades sociais

Lisboa, 14 out 2017 (Ecclesia) – O arquipélago de Cabo Verde acolhe até hoje o 9.º Fórum das Cáritas Lusófonas, com 30 delegados de seis países, centrado no combate à “fome e desigualdades sociais”.

“Após a partilha da situação socioeconómica e da ação da Cáritas de cada país, deu-se relevo, dado as práticas bem sucedidas em algumas regiões, ao recurso favorável que a implementação da Economia Social e Solidária é para a eliminação da fome e a redução drástica das desigualdades”, assinala um comunicado da Cáritas Portuguesa enviado à Agência ECCLESIA.

Os responsáveis católicos sublinham que este modelo da economia não pode ser entendido como uma “economia de pobres para pobres”.

“A economia social e solidária não abdica da relação humana, pois tem a pessoa no seu centro, contribuindo para potenciar o exercício da cidadania e a consciencialização social. Obriga a uma reorganização política e social”, sustentam os representantes da Cáritas Portuguesa.

Perante relevância que a economia social e solidária tem no PIB de cada país, foi proposta, como já aconteceu no Brasil, a criação de “uma Secretaria de Estado para a Economia Social”.

Os trabalhos, na Ilha de Santiago, começaram no último dia 7.

Em entrevista à Rádio Vaticano, Marina Almeida, secretária geral da Cáritas de Cabo Verde, e anfitriã deste fórum, destaca a oportunidade de as Cáritas lusófonas debaterem novas ideias e propostas para o seu trabalho, sobretudo ao nível do continente africano.

“Nota-se a ausência de algumas Cáritas, sobretudo em África, em reuniões de grupos de trabalho, também na própria Cáritas-África. E às vezes é difícil gerir isso. Nós estamos lá não só como país mas também para defender a comunidade lusófona que se sente um pouco lesada nestes espaços”, sublinhou aquela responsável.

JCP/OC

Voluntariado Missionário: Rita Coelho – Emissão 21-07-2017

O que leva uma pessoa depois, de um ano em missão em Moçambique e uma experiência de um mês em Angola, querer voltar à missão? Rita Coelho responde: um chamamento. De coração aberto e disponível para trabalhar, esta terapeuta da fala com 27 anos tem Cabo Verde como destino para um mês de doação aos outros. 

Voluntariado Missionário: Ludmila Silva – Emissão 18-07-2017

Ludmila Silva tem 21 anos de vida mas os seus olhos querem alcançar mais longe. Dentro de alguns dias vai partir para Cabo Verde, numa experiência chamada «Ponte» que os Jovens Sem Fronteiras organizam proporcionando um mês de missão. Diz ser o tempo suficiente não para fazer tudo, mas para se deixar transformar por uma realidade muito diferente da sua e quando vier testemunhar junto dos seus amigo não católicos que Cabo Verde não são só praia, mas há muitos rostos a precisar de uma presença amiga.

Voluntariado: Mais de 100 «Jovens Sem Fronteiras» dinamizam missões no verão

Lisboa, 18 jul 2017 (Ecclesia) – Os Jovens Sem Fronteiras, movimento ligado à Congregação dos Missionários do Espirito Santo (Espiritanos), vão dinamizar durante as férias de verão várias missões de uma semana em Portugal e o ‘projeto ponte’ em Cabo Verde.

“A tradição ainda é o que era. De há uns anos a esta parte, verão rima com missão”, afirma o provincial dos Espiritanos em Portugal, o padre Tony Neves.

Na nota enviada hoje à Agência ECCLESIA, o sacerdote informa que a “grande experiência missionária” JSF 2017 é o ‘Projeto Ponte’ que vai levar 12 jovens a Cabo Verde, mais propriamente uma ação realizada a partir da Paróquia da Calheta de São Miguel Arcanjo, na Ilha de Santiago.

Já em Portugal, a Diocese do Algarve acolhe o IntraRail Missionário, de 21 a 30 de julho, e no mesmo período, mas até dia 31, realiza-se a Semana Missionária em Vila da Ponte, na Diocese de Lamego, para “ajudar a preparar a Missa Nova” do padre diocesano Luís Rafael Azevedo.

Entre os dias 4 e 14 de agosto, os Jovens Sem Fronteira promovem duas semanas missionárias: Em Arcozelo – Ponte de Lima, Diocese de Viana do Castelo, e em Almargem do Bispo, no Patriarcado de Lisboa.

Na Diocese do Porto, a cidade da Trofa vai receber também os jovens numa semana missionária entre 17 a 27 de agosto e Marrazes, na Diocese de Leiria-Fátima, acolhe os JSF entre os 18 e 28 do próximo mês.

O padre Tony Neves realça que as missões de verão JSF são todas acompanhadas por um sacerdote Espiritano.

O programa de rádio ‘ECCLESIA’, a partir das 22h45, na Antena 1 da emissora pública, dá destaque esta semana ao ‘projeto ponte’ dos Jovens Sem Fronteiras, com Ludmila Silva (hoje) e Rita Coelho (sexta-feira).

Vão ser partilhadas também outras ações de voluntariado missionário como a da Equipa d'África e a da Juventude Mariana Vicentina, transmitida esta segunda-feira, com o testemunho de Lara Pinto que vai partir a 1 de janeiro para Moçambique.

CB

Página 1 de 3112345...102030...última »