Funchal, 04 jun 2018 (Ecclesia) – O primeiro Campo de (Fé)rias Católico Madeirense, Buzicos,  realiza-se de 22 a 27 de julho e vai contar com dezassete animadores, um padre, crianças e adolescentes dos 10 aos 14 anos.

Durante 6 dias e 5 noites vão realizar-se “um rol de atividades que promete transformar uma semana na melhor semana do Verão”, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

Os Campos de Férias Católicos (CFC), que já se realizam há muitos anos em Portugal e em número suficiente para ter sido criada, em outubro de 2015, uma Rede CFC, “são diferentes de qualquer outro programa de férias”.

Distinguem-se porque “proporcionam uma vivência espiritual estruturada, inspirada na alegria do Evangelho” e o objetivo é “viver, de um modo curto mas intensivo, uma proposta de relação próxima com Jesus, através do conhecimento pessoal, da relação com o outro, também da catequese e no contexto de natureza”.

O CFC da Madeira, que recebeu o nome de Buzicos – termo madeirense para criança pequena – não irá afastar-se muito do modelo tradicional dos campos que já se realizam há muitos anos no continente.

Estes campos decorrem normalmente em ambiente rural, despojado de tudo o que é considerado supérfluo.

LFS

Partilhar:
Share