Edifício Paraíso

Porto, 04 fev 2019 (Ecclesia) – O Instituto de Bioética, da Universidade Católica Portuguesa, vai promover um ciclo de seminários para debater as ‘Neurociências e Saúde: O papel da ética na definição do novo paradigma’, entre 15 de fevereiro e 12 de abril, no Porto.

“Torna-se urgente, e cada vez mais, a reflexão sobre a visão integral da pessoa no âmbito das questões éticas em saúde, pertencentes à Bioética e à Neuroética”, realça o núcleo regional Porto da UCP.

Num comunicado enviado à Agência ECCLESIA, informa que a sessão inaugural se centra na “neurodegeneração” e procura analisar “o que se passa no cérebro doente e, ainda, como lidar com as questões éticas associadas a este estado”, dia 15 de fevereiro.

Depois, até 12 de abril, os encontros do ciclo de seminários ‘Mente à Sexta-feira’ dedicam-se à análise de temáticas relacionadas com a doença de Parkinson, ao Alzheimer, à Esclerose Múltipla e aos tumores cerebrais.

As sessões quinzenais, sempre à sexta-feira, são conduzidas pelo investigador António Jácomo, do Instituto de Bioética da Católica no Porto, e por especialistas da área, que “refletem sobre os modelos para uma melhor compreensão das questões colocadas por cientistas, profissionais de saúde, doentes, filósofos, políticos e teólogos”.

A participação no ciclo ‘Mente à Sexta-feira’ 2019 é gratuita, mas a organização assinala que está sujeita a inscrição prévia.

CB

Partilhar:
Share